Inscreva-se em nosso canal no YouTube.

Pedro Mann celebra as diferentes formas de amor no EP “Asa”

Do início ao fim de uma relação, passando pela empolgação inicial aos desafios de percurso, as diferentes formas de afeto dão o tom de “Asa”, novo EP do cantor e compositor carioca Pedro Mann. Entre quartetos de cordas e beats eletrônicos, o artista faz desse um novo capítulo em uma trajetória que canta os amores e desamores da atual geração. O EP “Asa” está disponível nas plataformas de música.

Ao longo de quatro músicas, Mann se debruça sobre momentos diversos de uma relação a dois. “Faz Um Bem” e “Fiz Uma Canção de Amor” falam sobre o início e o fim de um relacionamento, respectivamente. Enquanto a primeira explora a aproximação de alguém especial, a segunda ganha o vocal convidado de Laura Petit em um diálogo de separação.

Já na faixa-título “Asa”, Pedro canta seu amor pela arte, a companhia e o colo nos momentos de impasse. “Se o bom do amor já não serve e a vida demora assim, navega no seu foguete de dedos, cordas e papeis”, versa. Ao fim, “Tudo o que a gente pode ser” traz uma mensagem de esperança sobre ser fiel aos próprios desejos e propósitos, com outro convidado que se destaca na nova geração: Caio Prado.

“Asa” vem para somar a uma obra que já chama atenção. No último ano, Pedro Mann lançou “Salineiras”, seu terceiro álbum de estúdio com produção de Rodrigo Vidal (Natiruts, Maria Gadú, Paulinho da Viola). O conceito do trabalho combinou letras intimistas, de grande entrega e vulnerabilidade, com instrumentos acústicos em arranjos sofisticados. Completam a discografia os álbuns “O mundo mora logo ali” e “Cidade Copacabana”.

Agora, Pedro Mann revela mais de suas canções. Após o recente single e clipe “Estou Vivo”, “Asa” vem para marcar uma nova fase prolífica do artista, prometendo múltiplas colaborações. O EP já está disponível para streaming.

  • https://stm16.xcast.com.br:7334/