Ad image

Influenciadora Mel Mattos desmistifica a arte do pole dance e desabafa: “As pessoas infelizmente associam o pole dance com a prostituição”

Redação
2 Min leitura

Força, habilidade e muita concentração. Esses são os requisitos mínimos para quem deseja se desbravar no pole dance. Quem acha essa é uma atividade simples, está bastante enganado. Para se equilibrar na barra de ferro, e ao mesmo tempo performar de forma sensual é preciso de flexibilidade.
A influenciadora, Mel Mattos, ganha a vida há quase vinte anos como dançarina profissional de pole dance e nos conta como surgiu essa vontade.
“Eu comecei no meio da dança bem novinha, aos 4 anos de idade. Sempre amei a arte da dança. Quando mais velha, eu resolvi entrar numa escola de pole dance, por curiosidade, e acabei me apaixonando, ao ponto de me profissionalizar.”
Ao ser questionada sobre o que mais gostava na arte do pole dance, a modelo respondeu:
“Eu amo fazer acrobacias no pole, me sinto livre e super flexível”.
Mel, também nos contou sobre o julgamento que sofreu pelas pessoas ao seu redor ao trabalhar com o pole dance.
“As pessoas, infelizmente, associam o pole dance com a prostituição. Fui julgada diversas vezes como puta por me “esfregar no poste”, ou ficar me exibindo. O pole dance exige sensualidade, mas é uma forma de arte!”
Mel, utiliza todo seu talento com o pole dance, nas suas performances como stripper, nos Estados Unidos, e arranca elogios de homens e principalmente mulheres.
“No pole dance tem que ter sensualidade, esse é o objetivo. Eu uso minhas habilidades da dança de forma sexy para conquistar o público. A maioria do meu público é feminino, recebo muito apoio das mulheres.”
A dançarina finaliza dizendo os diversos benefícios da prática.
“O pole dance é ótimo para quem quer perder peso, ter mais flexibilidade, melhorar o equilíbrio, fortificar a musculatura e diminui o estresse, é sério, pode confiar!”

Tags:
Share This Article
Por Redação
Seguir:
Acompanhe todas as notícias do mundo da música, cultura pop, famosos, televisão, entrevistas e muito mais.
Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • https://stm16.xcast.com.br:7334/