Ad image

Desastre aéreo com Mamonas Assassinas completa 28 anos

Redação
1 Min leitura
Redes Sociais

Neste dia 2 de março, completa-se 28 anos desde o fatídico acidente aéreo que tirou a vida dos integrantes da banda Mamonas Assassinas, deixando o Brasil em luto.

Liderados pelo carismático vocalista Dinho, os Mamonas foram a atração principal da primeira edição do evento Planeta Atlântida, realizado em Atlântida, Xangri-Lá, no litoral norte do Rio Grande do Sul.

O grupo emplacou o primeiro cd com recordes de venda, em todo o país. Nos shows, músicas como “Pelados em Santos”, “Robocop Gay”, “Vira-Vira” e outras eram mais que obrigatórias. As brincadeiras também invadiram os figurinos, com destaque para roupas de presidiário e do personagem “Chapolin Colorado”.

O grupo estava se preparando para a primeira turnê internacional, com shows programados para Portugal. O último show foi feito aonde é atualmente a Arena Mané Garrincha, em Brasília (DF). Após a apresentação, o grupo teve uma parada em São Paulo antes de ir para a Europa.

Por volta das 23h30 daquele 2 de março de 1996, o avião em que o grupo estava se chocou na Serra da Cantareira, próximo ao Aeroporto de Guarulhos após o piloto perder contato com a torre de comando.

Share This Article
Por Redação
Seguir:
Acompanhe todas as notícias do mundo da música, cultura pop, famosos, televisão, entrevistas e muito mais.
Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • https://stm16.xcast.com.br:7334/