Inscreva-se em nosso canal no YouTube.

Atriz e cantora Jane Birkin morre aos 76 anos

A cantora, atriz e modelo inglesa Jane Birkin morreu neste domingo, em sua casa em Paris, aos 76 anos, segundo o jornal “Le Parisien”. As causas da morte ainda não são conhecidas, mas ela havia cancelado shows recentemente por problemas de saúde.

“Sempre fui uma grande otimista e percebo que ainda preciso de um pouco de tempo para poder me apresentar nos palcos novamente”, escreveu ela em comunicado, divulgado em maio passado. Ela havia tido um derrame em setembro de 2021.

O roteiro de “Caixas”, escrito pela própria Jane, é inspirado na vida dela e conta a história de uma mulher, três amores passados e três filhas. Assim como a personagem principal do longa, a franco-britânica teve três relacionamentos importantes. Primeiro com o músico John Barry, com quem teve a fotógrafa Kate Barry em 1967, que morreu em 2013. Depois, com Gainsbourg, pai de Charlotte Gainsbourg, nascida em 1971 e que hoje segue os passos da mãe. Após se separar de Gainsbourg, descrito como um violento alcoolista (“um homem muito difícil”, Jane disse à revista “Russh”,em 2020), ela conheceu o diretor Jacques Doillon. Os dois começaram um relacionamento e dele nasceu Lou Doillon em 1982, que também é cantora, atriz e modelo.

Na carreira musical, Jane gravou, ao todo, 14 álbuns de estúdio, o último deles, “Oh! Pardon tu dormais”, em 2020. Em 2017, lançou “Birkin/Gainsbourg: Le symphonique”, um tributo à parceria musical da dupla, com canções que ele escreveu para ela durante e depois do relacionamento deles.

Em 2010, Jane colaborou com Sergio Dias, ex-integrante dos Mutantes, no álbum “We Are the Lilies”. Juntamente com o francês Tahiti Boy e a banda The Palmtree Family, o brasileiro convidou Iggy Pop e Jane para estrelarem uma faixa cada.

  • https://stm16.xcast.com.br:7334/